26/09/2016 14h34 - Atualizado em 26/09/2016 14h34

Governador José Melo destaca atuação do Amazonas para a Promoção do Desenvolvimento Sustentável Mundial

A solenidade marca um ano de adoção da ‘Agenda 2030’, que trata da implementação de ações, pelo mundo para erradicar a pobreza e proteger o meio ambiente.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Em ato solene de hasteamento da bandeira dos 17 objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), o governador José Melo enfatizou a construção da Matriz Econômica Sustentável como uma das medidas que culmina com os esforços mundiais para a promoção do desenvolvimento sustentável. A solenidade marca um ano de adoção da ‘Agenda 2030’, que trata da implementação de ações, por todos os países do mundo para erradicar a pobreza e proteger o meio ambiente, pelos próximos 15 anos.

A solenidade aconteceu nesta segunda-feira (26), na sede do Governo, zona oeste de Manaus, com a presença da primeira-dama Edilene Gomes e dos secretários de Estado. Acordada pelos 193 estados-membros da Organização das Nações Unidas (ONU), em setembro do ano passado, a agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável é baseada em cinco eixos de atuação: Planeta, Pessoas, Paz, Prosperidade e Parcerias.

“O Estado do Amazonas tem 90% de sua cobertura vegetal intacta e o maior potencial de água doce disponível do mundo. E o nosso Estado se associa a esse grande projeto em que as nações unidas unem todos os seus esforços para tentar solucionar os problemas comuns de todos os povos”, comentou o Governador.

A agenda reconhece que para acabar com a pobreza é necessário ter um plano que promova o crescimento econômico e responda a uma série de necessidades sociais. Nesse contexto, o Governador José Melo enfatizou a construção da matriz econômica sustentável que visa dar alternativas de desenvolvimento socioeconômico ao Estado. “A matriz vai dar exemplo de sustentabilidade e assegurar aos povos que vivem, principalmente os indígenas e ribeirinhos, condições de acessar às políticas sociais na saúde, educação e segurança. E mais ainda o Amazonas se associa a esse esforço mundial pela paz e pela preservação da natureza”.

Desde a Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento em 1992, no Rio de Janeiro, o mundo identificou um novo caminho para o desenvolvimento sustentável. O conceito reconhece que o desenvolvimento econômico deve ser equilibrado com um crescimento que responda às necessidades das pessoas e proteja o meio ambiente.

Objetivos
Em setembro de 2015, mais de 150 líderes mundiais estiveram na sede da ONU, em Nova York, para adotar formalmente uma nova agenda de desenvolvimento sustentável. Conheça os 17 objetivos:

Objetivo 1: Acabar com a pobreza em todas as suas formas, em todos os lugares;

Objetivo 2: Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável;

Objetivo 3: Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades;

Objetivo 4: Assegurar a educação inclusiva, equitativa e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos;

Objetivo 5: Alcançar a igualdade de gênero e empoderar todas as mulheres e meninas;

Objetivo 6: Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos;

Objetivo 7: Assegurar o acesso confiável, sustentável, moderno e a preço acessível à energia para todos;

Objetivo 8: Promover o crescimento econômico sustentado, inclusivo e sustentável, emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos;

Objetivo 9: Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação;

Objetivo 10: Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles;

Objetivo 11. Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis;

Objetivo 12. Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis;

Objetivo 13. Tomar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos;

Objetivo 14. Conservação e uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável;

Objetivo 15. Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade;

Objetivo 16. Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis;

Objetivo 17. Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável;

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505