22/09/2016 14h30 - Atualizado em 22/09/2016 14h30

Lei que proíbe o trote nas universidades é aprovada na ALE-AM

Será aplicada multa de dois a dez salários mínimos a quem praticar o trote e prevista a suspensão do aluno das atividades acadêmicas pelo período de um a seis meses.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Foi aprovado por unanimidade pelos parlamentares da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) o projeto de lei que proíbe o trote estudantil nas universidades públicas e particulares do Estado.

Será aplicada multa de dois a dez salários mínimos a quem praticar o trote e prevista a suspensão do aluno das atividades acadêmicas pelo período de um a seis meses.

A proposta considera trote as ações que exponham os calouros a humilhações físicas, psicológicas ou moral, exigência de bens ou valores e que possa causar danos físicos e materiais aos alunos.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505