28/09/2016 14h33 - Atualizado em 28/09/2016 16h12

Ministério Público de Contas pede explicações ao prefeito de Codajás sobre o pagamento de diárias

A solicitação foi feita após informações veiculadas na imprensa de que a prefeitura gastou R$ 3 milhões no pagamento de diárias.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM) deu 30 dias para que o prefeito de Codajás, Abraham Lincoln Dib, apresente informações e documentos referentes as diárias pagas pela Prefeitura de Codajás neste ano.

A solicitação de explicações foi assinada pela procuradora de contas Evelyn Freire de Carvalho, após informações veiculadas na imprensa de que a prefeitura gastou R$ 3 milhões no pagamento de diárias ao prefeito e para secretários municipais e servidores.

“Pedimos que o prefeito apresente informações e documentos referentes aos pagamentos, principalmente com a exposição precisa de todas as diárias que foram pagas a Ely Carlos Maia, Elyelsa Maia, Cid Marcos Bastos, Wilson Nahi Bastos e José Gonçalves, com cópia integral de cada processo administrativo para o pagamento, além das justificativas para a solicitação, relatórios de viagem e comprovantes de deslocamentos”, disse a procuradora de contas Evelyn Freire de Carvalho.

Ela informou que a requisição de informações está prevista na Constituição Estadual e na Lei Orgânica do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM). “A ausência de atendimento a requisição do Ministério Público de Contas ensejará o oferecimento de representação para apuração dos fatos no âmbito da corte de contas”, disse a procuradora.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505