15/09/2016 14h12 - Atualizado em 15/09/2016 14h12

Navegação do Brasil é foco de mobilização nacional em Manaus

Lideranças do setor de transporte aquaviário virão à capital amazonense para debater entraves que impactam o desenvolvimento de transporte no país.
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Manaus recebe a Mobilização pela Desburocratização da Navegação no Brasil nesta sexta-feira (16). Lideranças do setor de transporte aquaviário virão à capital amazonense para debater fragilidade e entraves que impactam o desenvolvimento do modal de transporte no país.

O evento é realizado pela Federação Nacional das Empresas de Navegação Aquaviária (Fenavega) com apoio do Sindicato das Empresas de Navegação Fluvial no Estado do Amazonas (Sindarma). A iniciativa faz parte do movimento nacional pela desburocratização da navegação brasileira. Os integrantes do setor debaterão medidas para solucionar entraves burocráticos, que impactam negativamente o setor.

Segundo a Fenavega, o foco da campanha é reduzir para patamares aceitáveis as exigências burocráticas que atualmente vigoram em vários órgãos do setor público, possibilitando assim que o modal aquaviário de transporte ofereça aos usuários e clientes maior agilidade, eficiência e melhor custo-benefício.

O presidente da Fenavega, Raimundo Holanda, explicou que as campanhas de mobilização que a Federeação, juntamente com seus sindicatos filiados, vem promovendo desde o ano passado têm como objetivo a união de todos os setores da navegação com propósito comum: consolidar a navegação aquaviária como o modal de transporte.

“A navegação pode contribuir decisivamente para a solução de grande parte dos problemas de logística no transporte. Para que tal propósito seja alcançado é necessário, primeiramente, que sejam removidos alguns obstáculos que impedem o crescimento da navegação, dentre eles, o excesso de burocracia que ainda impera em determinados segmentos do setor público, a falta de investimentos públicos na estrutura da malha aquaviária existente, como em obras de sinalização, dragagens e derrocamentos em rios e canais navegáveis. Precisamos também da adoção de medidas de segurança pública voltada para o combate de atos de pirataria, a modernização e aparelhamento dos portos e terminais portuários, dentre outros”, avaliou o presidente da Fenavega.

A Fenavega fará o lançamento simbólico da próxima campanha de mobilização da navegação, que terá como tema “Hidrovias Já”. Estarão presentes empresários do setor de navegação e autoridades representantes das seguintes instituições: Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Marinha do Brasil, Frente Parlamentar em Defesa dos Portos, Hidrovias e Navegação do Brasil da Câmara dos Deputados.

A iniciativa conjunta da Fenavega e do Sindarma conta ainda com o apoio dos demais sindicatos que integram a federação. Participam ainda a Confederação Nacional do Transporte (CNT), Câmara Interamericana de Transportes (CIT), Serviço Nacional do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat).

O evento é gratuito e ocorrerá a partir das 9h, no Salão Rio Negro do Tropical Hotel, localizado na Avenida Coronel Teixeira, n° 1.320, bairro da Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus.

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505