04/10/2016 17h18 - Atualizado em 4/10/2016 17h18

Fifa multa CBF por gritos de ‘bicha’ em partida da Seleção contra Colômbia na Arena da Amazônia

É a primeira vez em que a confederação é multada pela entidade.
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foi multada nesta terça-feira (4) em 20 mil francos suíços (cerca de R$ 66,3 mil) pela Fifa devido a atitudes homofóbicas de seus torcedores durante partida do Brasil contra Colômbia pelas eliminatórias da Copa de 2018. É a primeira vez em que a confederação é multada pela entidade.

No dia 6 de setembro, boa parte das pessoas presentes na Arena da Amazônia, em Manaus, gritaram “bicha” enquanto o goleiro adversário David Ospina cobrava os tiros de meta.

A Fifa também aplicou sanções por conduta discriminatória e antidesportiva de fãs a outros países: Chile (65 mil francos suíços – R$ 215.637,50), Honduras (65 mil francos suíços – R$ 215.637,50), Albânia (50 mil francos suíços – R$ 165.875), El Salvador (45 mil francos suíços – R$ 149.287,50), Itália (30 mil francos suíços – R$ 99.525), México (30 mil francos suíços – R$ 99.525), Peru (30 mil francos suíços – R$ 99.525), Paraguai (25 mil francos suíços – R$ 82.937,50), Argentina (25 mil francos suíços – R$ 82.937,50) e Canadá (20 mil francos suíços – R$ 66.350). As conversões foram feitas considerando os dados do Banco Central desta segunda (3).

Desde o início do ano, a Fifa tem multado diversas federações devido a gritos homofóbicos. Recentemente, a entidade já havia multado a Argentina (R$ 75 mil), Chile (R$ 20 mil), Peru (R$ 20 mil) e Uruguai e os advertidos pela entidade pelo grito de “puto” de seus torcedores quando o goleiro rival cobra o tiro de meta. O México, na Concacaf (confederação das Américas do Norte e Central), também já havia sido punido por essa razão: R$ 75 mil.

Fonte: Folhapress

*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.

Ultimas notícias

Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505