Aumento de tarifa de ônibus em Manaus será julgado pelo STJ amanhã (16)

A decisão acontece no mesmo dia que os rodoviários prometem fazer greve geral na cidade.
15/11/2016 11h43 - Atualizado em 16/11/2016 09h38

Foto: Reprodução


O recurso que pertence ao Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) contra liminar, que suspendeu o reajuste da tarifa do transporte coletivo em Manaus, em abril deste ano, será julgado na quarta-feira (16), pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Ainda em meados de abril deste ano, o desembargador Ari Moutinho permitiu o reajuste para R$ 3,54, mas uma liminar concedida pela desembargadora Encarnação das Graças Sampaio impediu o reajuste. Em setembro o STJ decidiu por meio de liminar que a tarifa aumentasse, mas o Sinetram decidiu aguardar o julgamento do mérito do processo para então fazer o reajuste na capital.

Greve dos rodoviários

O STJ decide sobre o aumento da tarifa no mesmo dia que trabalhadores rodoviários anunciam greve geral (Rodoviários prometem paralisação geral a partir de quarta-feira em Manaus) da categoria. Eles cobram assinatura do dissídio coletivo.

Fonte: Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso