Tudo indica que jovens desaparecidos no Grande Vitória foram mortos por PM’s, diz delegado

A prisão dos PM’s foi pedida após a equipe identificar que os policiais estavam destruindo provas do crime.
08/11/2016 17h12 - Atualizado em 8/11/2016 17h16

O delegado federal e corregedor-geral da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), Leandro Almada, disse, nesta terça-feira (8), que as investigações sobre o sumiço dos jovens Alex Julio Roque de Melo, 25, Rita de Cássia Castro da Silva, 19, e de Weverton Marinho, 20 apontam para triplo homicídio seguido de ocultação de cadáver.

Mesmo sem os corpos, o corregedor informou que há muitas provas de que o crime pode ter sido cometido pelos policiais. Segundo Almada, ao todo dez policiais militares estão presos temporariamente por cinco dias. Por meio de imagens, a investigação comprovou que as vítimas sofreram a abordagem da polícia.

Dez mandados de busca e apreensão nas casas dos policiais militares também foram cumpridos nesta terça-feira (8). A polícia ainda trabalha com dois grupos de suspeitos, um que teria participado ativamente da situação, e o outro com pessoas que estavam na ocasião, mas que não estão falando sobre o que realmente aconteceu.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Contato Termos de uso