Temer critica falta de coragem de governos petistas

O presidente colocará em cadeia nacional publicidade televisiva na qual acusa as gestões anteriores.
30/12/2016 15h19 - Atualizado em 30/12/2016 15h19
Foto: reprodução

Em uma crítica indireta aos governos petistas, o presidente Michel Temer colocará em cadeia nacional a partir desta sexta-feira (30) publicidade televisiva na qual acusa as gestões anteriores não terem tido coragem para fazer reformas estruturais no país.

Na inserção de meio minuto, o governo federal ressalta que tem tomado medidas que resolvem ‘graves problemas’, ‘criando empregos’ e ‘devolvendo a confiança’ ao país.

Na quinta-feira (29), contudo, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou que o desemprego chegou a 11,9% no trimestre encerrado em novembro, taxa mais elevada já registrada da série histórica da pesquisa, iniciada em 2012.

“O Brasil precisa de reformas que não podem esperar e o governo federal tem a coragem de fazer o que outros governos não fizeram, tomando medidas que resolvem graves problemas, criando empregos e oportunidades e devolvendo a confiança”, ressalta.

A publicidade televisiva também afirma que o mundo já reconhece que investir no Brasil “voltou a ser um bom negócio”, apesar do país ainda não ter recuperados o selo de bom pagador de agências de risco como Moody’s, Standard & Poor’s e Fitch.

O tom da inserção é semelhante ao de publicidade publicada pelo governo federal em jornais impressos na quinta-feira (29). No texto, o governo federal ressalta que teve a “coragem” para fazer as reformas que “o Brasil precisa” e enumera as mudanças trabalhista e previdenciária.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso