Duputado oficializará atas de promoções dos Praças da Polícia Militar

Segundo o parlamentar, a formação da Comissão de Promoção de Praças (CPP) é indispensável para evitar que o Comando cometa novamente os erros encontrados nas atas anteriores.
20/01/2017 16h21 - Atualizado em 20/01/2017 16h21
Foto: divulgação

A pedido do vice-presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Amazonas, deputado Platiny Soares (DEM), uma Comissão de Promoção de Praças (CPP), deve ser criada para oficializar, e apresentar à tropa, as Atas de Promoção da categoria, que há dois anos luta junto ao Governo do Estado, pela concretização do direito adquirido no ano de 2014.

De acordo com o parlamentar, que é idealizador da Emenda à Lei Orçamentária Anual (LOA) Nº 204/2016, que destinou R$ 22 milhões em recursos para destravar o benefício, a formação de uma comissão é indispensável para dar transparência ao processo e evitar que o Comando cometa novamente os erros encontrados nas atas anteriores.

“Com muito esforço e união conseguimos o recurso que dará ao profissional da segurança pública apto à promoção, a certeza de que seu direito será respeitado. Agora, temos que tornar isso transparente, e o ideal é fazer isso em parceria com as entidades representativas e o comando da corporação”, declarou Platiny Soares.

Conforme o documento enviado ao novo comandante geral da Polícia Militar, Coronel David de Souza Brandão, a CPP será formada no seio da Comissão de Segurança Pública, e servirá para alinhar as correções das promoções entre abril, agosto e dezembro de 2015, abril, agosto e dezembro de 2016 e ainda abril de 2017.

“Fiquei debruçado, juntamente com a minha equipe, diante de todas as informações pertinentes às promoções atrasadas desde abril de 2015. Com muito cuidado, analisamos a situação e conseguimos confeccionar atas de promoções que contemplam centenas de policiais. Estou muito satisfeito e o próximo passo é levar ao conhecimento de todos os policiais e bombeiros militares do Amazonas, o resultado que julgo muito positivo”, comentou Platiny Soares.

De acordo com a matéria apresentada por Platiny Soares, estão aptos à promoção, mais de 5.000 (cinco mil) servidores, entre praças e oficiais das duas corporações. A lei já foi publicada no Diário Oficial do Estado, passando a valer na data da sua publicação.

As promoções devem ser retomadas no próximo mês de abril. Caso não a cumpra, o chefe do Executivo Estadual estará sujeito às sansões da Lei de Responsabilidade Fiscal.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso