Enquanto população sofre com greve de ônibus em Manaus prefeito faz postagem reclamando de aeroporto

Arthur Neto, demonstrou-se mais preocupado com os tipos de embarque que ele pega do que resolver a situação dos rodoviários.
17/01/2017 16h22 - Atualizado em 18/01/2017 16h40

Foto: Arlesson Sicsú


Pelo menos 800 mil usuários do transporte coletivo amanheceram prejudicados com a paralisação dos rodoviários nesta terça-feira (17) enquanto isso o prefeito de Manaus, Arthur Neto, fez uma postagem em sua rede social reclamando que ele não embarcou de São Paulo pra a capital amazonense pelo finger (sanfona) e sim pela área remota do aeroporto.

No embarque remoto o passageiro sai da sala de embarque para dentro de um ônibus, que lhe deixará na porta da aeronave. Neste método as prioridades são perdidas e o passageiro precisa carregar a mala para subir as escadas.

No dia em que a cidade administrada pelo prefeito tucano amanheceu um caos, Arthur, demonstrou-se mais preocupado nos tipos de embarque que ele pega do que resolver o pagamento dos reajustes dos rodoviários que estariam atrasados há cerca de oito meses.

Em um dos parágrafos de seu texto, Arthur, diz que falará com a direção da Infraero e dará o troco na situação do aeroporto evidenciando assim seu interesse apenas por questões da cidade que interfiram diretamente em sua vida. “A tal área remota virou um depósito de gente. E vou dar o troco”, escreveu ele.

A postagem foi apagada horas depois de ser postada devido o grande número de de reclamações dos internautas na página do prefeito.

O ex-deputado estadual Marcelo Ramos (PR) provocou o tucano, em comentário, também nas redes sociais. “[O prefeito] Disse que vai tomar providências junto à Infraero. Acho razoável. Mas o que deve pensar o cidadão que está no T3 sem jetway, sem elevador para cadeirantes e, até mesmo, sem ônibus?”, indagou Marcelo.

arthur

Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso