Setenta presos foragidos do Ipat e Compaj são recapturados

Segundo a polícia as buscas pelos outros 114 detentos foragidos no último domingo 1º, continuam.
09/01/2017 18h08 - Atualizado em 9/01/2017 18h08

Foto: divulgação


O Comitê de Gerenciamento de Crise do Sistema de Segurança Pública do Amazonas informou na tarde desta segunda-feira (9), que 70 dos 184 presos do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat) e Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) que estavam foragidos foram recapturados e encaminhados novamente para as unidades prisionais do Amazonas. Segundo a polícia as buscas pelos outros 114 detentos foragidos no último domingo 1º, continuam.

Postos de atendimento para familiares
Desde o dia 02 de janeiro, mais de 350 atendimentos a familiares de internos já foram realizados nos postos montados pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), no Instituto Médico Legal (IML), no bairro Cidade Nova, zona Norte de Manaus, e no prédio social da secretaria, localizado na Avenida André Araújo, Nº 115, bairro Aleixo, zona Centro-Sul da capital, ao lado da sede do Conselho Regional de Enfermagem do Amazonas (Coren-AM).

Em média de 50 atendimentos diários estão sendo feitos pela Ouvidoria do Sistema Penitenciário, pela Central Integrada de Acompanhamento de Alternativas Penais do Amazonas (Ciapa) e pelo Departamento de Reintegração Social e Capacitação (Deresc). Nos postos de atendimento, os familiares podem obter informações sobre internos foragidos e recapturados das unidades do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), transferidos para a Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa (CPDRVP), no Centro de Manaus, e sobre os óbitos reconhecidos pelo IML das unidades do Compaj, Cadeia Pública e Unidade Prisional do Puraquequara (UPP).

As equipes de assistentes sociais, psicólogos e administrativos da Seap estão empenhadas na prestação de atendimentos e orientações específicas a cada familiar. Os atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, em ambos os postos. Os familiares também podem obter informações pelo telefone (92) 3215-2563.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso