SSP-AM apresenta Plano de Segurança para Carnaval 2017

As ações visam garantir a segurança da população em geral e do público nos festejos carnavalescos
31/01/2017 15h10 - Atualizado em 31/01/2017 15h10

Foto: Divulgação


A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) apresentou nesta terça-feira (31), em coletiva de imprensa, o Plano Tático Integrado de Segurança da Operação Carnaval 2017. As ações visam garantir a segurança da população em geral e do público nos festejos carnavalescos, sejam as bandas e blocos de rua ou os eventos oficiais no Sambódromo.

O Plano de Segurança conta com a participação de aproximadamente 30 órgãos e terá atuação direta de ,aproximadamente, dois mil servidores, entre policiais e agentes públicos de órgãos estaduais e municipais. Os trabalhos serão coordenados pela Secretaria Executiva Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada (SEAGI) da SSP-AM, a partir do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC).

A Operação vai iniciar no dia 10 de fevereiro e encerrar no dia 12 de março. Nesse período a Central Integrada de Fiscalização (CIF), composta por representantes dos diversos órgãos envolvidos na operação, irá atuar de forma itinerante em bairros de Manaus, visando checar a regularidade das bandas e blocos carnavalescos. “A Central Integrada tem o objetivo de fiscalizar os blocos de rua. No fim de semana teremos a operação específica no Sambódromo, onde todos os órgãos estarão entregando ali seus trabalhos”.

O secretário executivo-adjunto de Planejamento e Gestão Integrada, coronel Dan Câmara, explicou que os blocos e bandas assinaram um termo de responsabilidade, a partir do qual serão fiscalizados. “São 100 blocos e bandas que assinaram esse termo, que, entre outras coisas, regulamenta que os eventos de rua deverão encerrar até meia-noite. A Central de Fiscalização fará o monitoramento desses eventos para que eles possam garantir um ambiente saudável e seguro sob todos os aspectos”, informou.

Desfile das Escolas no Sambódromo
Para o desfile das Escolas de Samba e o Carnaboi no Sambódromo, a Operação prevê a fiscalização dentro e fora do local, com monitoramento da entrada do público e das infrações durante os eventos. Não será permitido entrar no local com garrafas de vidro e objetos perfuro-cortantes. O trânsito nos arredores do Sambódromo também sofrerá intervenção, com desvios de linhas de ônibus e veículos, permitindo que o público que transite pela avenida Pedro Teixeira tenha facilidade de deslocamento.

O secretário destacou que a segurança na cidade não será comprometida. “Esse planejamento enxerga a cidade como um todo, ou seja, irá oferecer segurança nos locais de eventos sem comprometer a segurança da cidade. Estamos administrando todo esse cenário para que toda a cidade seja atendida com segurança e possamos passar o carnaval sem problemas”, afirmou Dan Câmara.

Participam da operação a Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento Estadual de Trânsito, Susam, Arsam, AmazonasTur, Sejel, Secom, Casa Militar, ManausTrans, Subsempab, SMTU, Visa Manaus, Semsa, ManausCult, Semasdh, Semmas, Juizado da Infância e Juventude, e outros.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso