Ação conjunta resulta na prisão de mulher que iria transportar 15 quilos de maconha do tipo skunk para Salvador

A mulher foi presa na madrugada de ontem (19).
20/02/2017 10h16 - Atualizado em 20/02/2017 15h58
Foto: Erlon Rodrigues/PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas, por meio das equipes do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), em ação conjunta envolvendo servidores que atuam na Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai) da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM) e Delegacia Especializada em Crimes contra o Turista (DECCT), prendeu, em flagrante, na madrugada do domingo, dia 19, Vanessa Luana Ferreira Braga, 30, por tráfico de drogas. Com a mulher foram apreendidos, aproximadamente, 15 quilos de maconha do tipo skunk.

A infratora foi apresentada na manhã de hoje, às 10h30, durante coletiva de imprensa realizada no prédio da Delegacia Geral, zona Centro-Oeste da cidade. De acordo com o diretor do Denarc, delegado Paulo Mavgnier, a mulher foi presa por volta das 2h15, no momento em que chegou ao Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, na zona Oeste da cidade. Conforme Mavignier, a mulher iria embarcar com as drogas em um voo com destino à cidade de Salvador, no estado da Bahia. O diretor do Denarc destacou que Vanessa Luana estava sendo monitorada pelas equipes há cerca de 10 dias.

“Há 10 dias recebemos informações que Vanessa Luana iria fazer um transporte de drogas para a Bahia. Começamos a fazer o acompanhamento da infratora e identificamos o dia que ela iria viajar. Ontem, as equipes montaram campana no aeroporto e visualizaram o momento em que ela chegou ao local apenas com uma mala. Foi realizada abordagem e constatado que ela estava em posse de aproximadamente 15 quilos de drogas”, explicou Mavignier.

Durante depoimento, Vanessa Luana argumentou que foi a segunda vez que ela iria transportar drogas, mas não revelou o quanto receberia pelo serviço. “Em 2014, Vanessa Luana foi presa após cometer o crime com o mesmo modus operandi. Ainda em depoimento, ela relatou que iria fazer o transporte das substâncias entorpecentes porque estava precisando de dinheiro”, disse.

O diretor do Denarc informou, ainda, que as drogas apreendidas estão avaliadas em cerca de R$ 150 mil, no estado da Bahia. “Em Manaus o quilo dessa substância custa em torno de R$ 7 mil. Na Bahia a maconha do tipo skunk está avaliada em cerca de R$ 10 mil o quilo. As drogas apreendidas hoje com certeza seriam para abastecer os pontos de comercialização de drogas daquela cidade no período do Carnaval”, pontuou a autoridade policial.

Vanessa Luana foi autuada em flagrante por tráfico de drogas. A mulher foi conduzida na tarde deste domingo para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona Sul da capital.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso