Novo secretário da Seplan-CTI toma posse tendo como missão atrair novos investimentos para a ZFM

José Jorge tem vários desafios à frente da secretaria, que é considerada peça principal no projeto estratégico de desenvolvimento econômico do Estado.
10/02/2017 14h58 - Atualizado em 10/02/2017 14h58
Foto: Divulgação

O governador José Melo deu posse na manhã desta sexta-feira, dia 10 de fevereiro, ao novo secretário de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplan-CTI), José Jorge Nascimento Junior. Assumindo o lugar de Thomaz Nogueira, Jorge Junior, como é conhecido, tem vários desafios à frente da secretaria, que é considerada peça principal no projeto estratégico de desenvolvimento econômico do Estado, começando com a reestruturação do órgão, além da implantação da nova Matriz Econômica, a revisão da Lei de Incentivos Fiscais do Estado e a atração de novos negócios para a o Polo Industrial de Manaus.

“Recebi com muita alegria o convite do governador já de cara com algumas missões a serem realizadas, entre elas, em primeiro lugar, a reestruturação da Seplan-CTI”, observa. A secretaria será desmembrada, transformando-se em Secretaria Estadual de Planejamento e Desenvolvimento Econômico (Seplan) e Secretaria de Ciência Tecnologia, Inovação e Geodiversidade, que focará principalmente nas riquezas naturais e minerais do Estado.

Será da Seplan a missão de planejar e executar, em sinergia com outros órgãos governamentais, a Matriz Econômica do Estado, projeto de desenvolvimento sustentável do governador José Melo, que pretende criar uma alternativa que fortaleça a economia do Estado, junto com a Zona Franca de Manaus.

Outra missão urgente de Jorge Junior será a revisão da Lei Estadual que estabelece os Incentivos Fiscais para indústrias instaladas no Polo Industrial de Manaus. Feita por força de lei a cada dez anos, a revisão ganha maior importância por ser a primeira após a prorrogação dos incentivos por mais 50 anos.

Promoção comercial e busca de novos negócios
A atração de novos negócios para ao Polo Industrial de Manaus, com vistas à diversificação da produção e amparada pela prorrogação dos incentivos, também foi dada como missão pelo governador ao novo secretário. “O governador orientou que buscássemos novos negócios, produtos e investimentos. Vamos fazer um trabalho de promoção comercial do modelo Zona Franca de Manaus e com um grande diferencial dos incentivos fiscais de Manaus, mostrando que nenhum outro lugar do país tem segurança jurídica que nós temos aqui no Amazonas, junto com a prospecção de novos negócios”, disse o secretário.

Na área de Planejamento, a secretaria vai continuar trabalhando com o Plano Plurianual e o acompanhamento, junto às secretarias, das metas contidas no mesmo. Jorge Junior afirma que vai continuar o projeto de implantação de um sistema de indicadores econômicos sólido, para que se tenha num único ambiente as informações que vão embasar as tomadas de decisões em todas as áreas de governo. No âmbito interno, a valorização do servidor está no rol das prioridades, assim como a melhoria da infraestrutura da secretaria, que deverá ter um novo prédio.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso