Mais quatro municípios do AM decretam Emergência devido cheia dos rios e Defesa Civil prepara plano de atendimento

Agora, são 27 cidades em anormalidade, que fazem parte do cronograma de atendimento do órgão.
22/05/2017 17h18 - Atualizado em 22/05/2017 17h18

Foto: Divulgação


A Defesa Civil do Amazonas colocou hoje, 22, em Situação de Emergência, os municípios de Alvarães, no médio Solimões, Boa Vista do Ramos, no Baixo Amazonas, Beruri, no Purus e Careiro da Várzea, na calha do Amazonas, por conta da enchente que já afeta famílias nas localidades. Agora, são 27 cidades em anormalidade, que fazem parte do cronograma de atendimento do órgão.

“Com base na análise dos nossos técnicos, que levaram em consideração os prejuízos econômicos, danos materiais entre outras características comprovadas por meio de documentação dos gestores municipais, as cidades passaram a integrar a lista emergencial do órgão. A partir de agora, assim como os demais municípios, deverão receber apoio humanitário”, ressaltou o secretário executivo do órgão, coronel Fernando Pires Júnior.

No total, 51.503 famílias estão prejudicadas pelo desastre em todo o Estado.

Atendimento
Agentes da Defesa Civil do Amazonas já embarcaram para o município de Canutama, na calha do Purus, 30 toneladas de cestas básicas e ainda kits dormitório, kits higiene, kits limpeza, colchão, água e hipoclorito de sódio, para atender os afetados. Já Carauari, no Juruá, receberá nos próximos dias, 32 toneladas de alimentos, e também kits dormitório, kits higiene, kits limpeza, colchão, água e hipoclorito de sódio, para suprir as necessidades das 3.122 famílias prejudicadas pela enchente na cidade.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso