Marcos Rotta quer vaga de Eduardo Braga na disputa pelo Governo do Amazonas

Com discurso de “Deus sabe a hora certa” Rotta, que é do mesmo partido que Braga, disse nesta quarta-feira (10) que tem interesse em concorrer ao cargo de governador.
11/05/2017 16h08 - Atualizado em 12/05/2017 10h53

Foto: Reprodução


Com o cenário político baré alvoroçado desde a notícia da cassação de José Melo (PROS) e a ruptura da aliança entre o senador senador Eduardo Braga, e o Prefeito de Manaus, Arthur Neto, uma conflito interno foi gerado dentro do PMDB uma vez o vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta, mostrou interesse em ocupar a vaga que seria de Braga na disputa pelo Governo do Amazonas.

Com discurso de “Deus sabe a hora certa” Rotta, que é do mesmo partido que Braga, disse nesta quarta-feira (10) que tem interesse em concorrer ao cargo de governador mesmo sabendo que o nome de Eduardo Braga já está quase certo para ser lançado pelo PMDB. A declaração foi dada durante o anúncio de novos mecanismos para a saúde no bairro da Paz, Zona Oeste.

À imprensa, o vice-prefeito disse que tem interesse em disputar o governo do Estado. “Todo mundo tem (interesse), meu filho. Não é? Até o Homero (secretário de Saúde) aqui tem o interesse. Acho natural. O político que não almejar aspiração é um político acomodado. Eu nunca fui acomodado na minha vida. Eu deixo tudo nas mãos de Deus. É ele quem sabe a hora certa”, expôs Marcos.

Rotta também negou a possibilidade dos tucanos realizarem eleição interna para a escolha de um nome, como ocorreu em São Paulo.

Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso