Partidos têm até o dia 16 de junho para realizar convenções partidárias e definir candidatos para as eleições

Até o momento, cinco pré-candidaturas estão confirmadas e mais quatro nomes apenas figuram como pré-candidatos.
31/05/2017 09h57 - Atualizado em 31/05/2017 16h39

Foto: Reprodução


No dia 6 de agosto os 2,2 milhões de eleitores do estado do Amazonas devem voltar às urnas para a escolha de um novo governador para o mandato tampão, são as eleições suplementares, e os partidos têm o período de 12 a 16 de junho para realizar a conhecida ‘convenção partidária’, onde será escolhido definitivamente o nome do candidato de cada partido ou coligações.

Nas convenções partidárias, as alianças são fechadas com o intuito de aumentar as chances na disputa pela chefia do Governo do Estado. Pela lei é obrigatório, que os candidatos sejam escolhidos desta forma, ou seja por meio do procedimento realizado em assembleia ou reunião, que é a Convenção Partidária.

As convenções estão sujeitas às regras constantes nos estatutos dos diferentes partidos e acontecem em datas pré-definidas na Lei nº 9.504/1997, e posteriormente regulamentadas em resoluções expedidas pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Podem participar das convenções qualquer cidadão que, além de possuir tempo de domicílio eleitoral mínimo na circunscrição do pleito (1 ano), deve também estar filiado a partido político há pelo menos 6 meses antes das eleições. Válido para todos os partidos políticos, o prazo estipulado pela regra garante a isonomia entre as legendas.

Pré-candidatos

Já confirmaram pré-candidatura o presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Wilker Barreto (PHS), o vereador Marcelo Serafim (PSB), os deputados estaduais José Ricardo (PT) e Luiz Castro (Rede) e o deputado federal Silas Câmara (PRB).

O ex-governador Amazonino Mendes (PDT), o senador Eduardo Braga (PMDB), o ex-deputado Marcelo Ramos (PR) e o atual governador do Estado, David Almeida (PSD) figuram ainda como pré-candidatos, mas sem confirmação.

Fonte: Redação AM POST e TRE-AM


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso