Alunos da Estácio de Sá fazem sopa para refugiados venezuelanos e eles recusam a receber

Em vídeo postado no Facebook, os universitários demonstram a revolta com a recusa dos indígenas.
16/06/2017 11h11 - Atualizado em 16/06/2017 16h59
Foto: Reprodução

Indígenas venezuelanos que estão em Manaus já têm fama de não aceitarem diversas ajudas que o povo manauara oferece à eles e nesta semana mais uma atitude deixou um grupo de pessoas revoltados, com a recusa.

Alunos da Faculdade Estácio de Sá fizeram um sopão para entregar a venezuelanos que estão próximo a Feira do bairro Coroado, Zona Leste da capital e foram envergonhados ao tentar alimentar os refugiados. Eles simplesmente afirmaram que comiam apenas carne e frango e por fim, afirmaram que a sopa estava sem sal.

Diante da atitude dos indígenas, o grupo de alunos atravessou a rua e distribui o alimento para as pessoas que queriam na frente da Feira e em 15 minutos a sopa tinha acabado.

Em vídeo postado no Facebook, os universitários demonstram a revolta com a recusa dos indígenas e criticam a ajuda do governo aos imigrantes destacando a falta de humildade dos venezuelanos.

Assista o vídeo:

Refugiados venezuelanos recusam sopa feita por alunos da Estácio.

Posted by Manaus a Metrópole da Amazônia on Friday, June 16, 2017

Fonte: Redação A POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505