David Almeida envia para ALE-AM projeto de lei que devolve autonomia orçamentária da UEA

O governador anunciou também que mantém a política de expansão da UEA, que logo estará em 34 das 61 cidades do interior.
25/07/2017 17h04 - Atualizado em 26/07/2017 11h17
Foto: Reprodução

O governador do Amazonas, David Almeida (PSD), enviou nesta terça-feira, 25, um projeto de lei à Assembleia Legislativa (ALE-AM) que devolve a autonomia orçamentária para a Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

“É bom ressaltar que a instituição é mantida com os recursos arrecadados pelas empresas do polo industrial [da Zona Franca de Manaus]. Nós também colocamos recursos na UEA e com isso conseguimos manter a instituição”, disse David.

O artigo 6º da atual lei, sobre o superávit orçamentário da UEA, separa a receita em duas fontes: ensino superior e infraestrutura. O projeto de David revoga esse artigo e assim os recursos chegarão à instituição em sua totalidade, sem passar pelos cofres do governo.

O orçamento da UEA depende da arrecadação das empresas do Distrito Industrial. Nos últimos dois anos, a UEA sofreu com o impacto da crise econômica. Fechou 2016 com orçamento de R$ 330 milhões. Neste ano, já deve aumentar para R$ 400 milhões.

A Secretaria de Fazenda (Sefaz) informou que o fundo da UEA caiu 27,04% em 2016, assim como todos os demais impostos, que afetaram o repasse da indústria.

David anunciou também que mantém a política de expansão da UEA, que logo estará em 34 das 61 cidades do interior com a inclusão de Barcelos, Boa Vista do Ramos, Jutaí, São Sebastião do Uatumã, Apuí, Santo Antônio do Iça e Tapauá.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505