Altos números de abstenção de voto mostra insatisfação do eleitor amazonense com a política

Dos 2,3 milhões de pessoas aptas a votar no Estado, 849.528 votaram em branco, nulo ou simplesmente nem se preocuparam em exercer o direito de votar.
09/08/2017 11h32 - Atualizado em 9/08/2017 16h06
Foto: reprodução

O resultado do primeiro turno da Eleição Suplementar, realizada no domingo (6), expôs a insatisfação do eleitor amazonense com a política. Dos 2,3 milhões de pessoas aptas a votar no Estado, 849.528 votaram em branco, nulo ou simplesmente nem se preocuparam em exercer o direito de votar. Isso representa 36% do eleitorado total do Amazonas e foi quase o mesmo percentual alcançado pelo primeiro colocado nas urnas, o candidato Amazonino Mendes (PDT), que teve 38,77% dos votos válidos.

No Amazonas, no domingo passado, os candidatos Amazonino Mendes (PDT) e Eduardo Braga (PMDB) – que vão para o segundo turno – somaram 924.951 votos válidos. Ou seja, 75 mil a mais que número de brancos, nulos e abstenções. E se levarmos em consideração os 2.338.886 eleitores do Estado, fica nítido que ambos terão que se reinventar para tentar reverter esse quadro de descrédito com os políticos e a política no Estado. O prazo para eles é curto, acaba no próximo dia 27.

Segundo o TSE, apesar de o voto no Brasil ser obrigatório, o eleitor, de acordo com a legislação vigente, é livre para escolher o seu candidato ou não escolher candidato algum. Ou seja, o cidadão é obrigado a comparecer ao local de votação, ou a justificar sua ausência, mas pode optar por votar em branco ou anular o seu voto.

Segundo o cientista político Hilso Ribeiro, essa insatisfação é oriunda de vários motivos. “Os candidatos distanciam-se cada vez mais do eleitor. Os discursos não são claros, há infidelidade em relação às parcerias e coligações, causando descrédito e imensa confusão na cabeça do votante”.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso