Ex-cabo do Exército é preso com drogas avaliadas em R$ 20 mil

Thiago Aparício foi preso no estacionamento de um supermercado situado no bairro Cidade Nova.
16/08/2017 14h43 - Atualizado em 17/08/2017 10h15
Foto: Divulgação

O ex-cabo do Exército Thiago Aparício de Lima Oliveira, 24, foi preso na noite desta terça-feira (15), nas dependências de um estacionamento de um supermercado de Manaus, localizado na avenida Max Teixeira, bairro Cidade Nova, zona Norte da cidade.

De acordo com o delegado Rodrigo de Sá, titular do 20º Distrito Integrado de Polícia (DIP), a equipe de investigação recebeu delações informando que ontem, dia 15, seria realizada a entrega de entorpecentes no estacionamento de um supermercado situado no bairro Cidade Nova. Os policiais civis montaram campana no local indicado e ao identificarem o infrator, a partir das características repassadas, efetuaram a abordagem. O jovem estava conduzindo um carro modelo Gol, de cor prata e placas OAH-6637. Thiago ainda tentou empreender fuga, mas acabou interceptado pelos policiais.

No momento em que foi realizada revista no interior do automóvel foram encontradas duas sacolas contendo cocaína em pó, duas sacolas com maconha do tipo skunk e dois sacos plásticos com drogas sintéticas. Após a abordagem, Thiago informou que tinha mais substâncias ilícitas na residência dele. Em ato contínuo, as equipes foram até o imóvel, situado na Rua José Tavares, primeira etapa do Conjunto Jardim Versalles, bairro Planalto, zona Centro-Oeste.

Dentro da casa os policias civis apreenderam três quilos de maconha, 300 gramas de cocaína e 54 comprimidos de ecstasy, além de oito cilindros de lança-perfume, um narguilé e uma balança digital. A droga encontrada com o infrator, segundo Rodrigo de Sá, está avaliada em R$ 20 mil. Ao longo das diligências foi descoberto que Thiago havia sido cabo do Exército e foi expulso da corporação há dois anos, por motivos diversos, dentre eles a suspeita de venda de drogas dentro do quartel em que estava lotado.

“É uma apreensão interessante. Ele é um indivíduo que fabrica as drogas e recebe as demandas via aplicativo de mensagens de celular. Funciona basicamente como um “disque-droga”. Não tem comparsa. Nós acreditávamos que ele iria fazer a entrega a um alvo nosso daqui e iriamos prendê-los em conjunto naquele local, mas, de acordo com Thiago, todas as atividades ilícitas eram realizadas apenas por ele”, explicou o titular do 20º DIP.

Thiago foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, o infrator será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona Sul de Manaus.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505