Feiras internacionais devem movimentar mais de U$ 30 bilhões em negócios

Empresários do Estado estão sendo mobilizados para participar de três grandes feiras internacionais que devem ocorrer até o final deste ano.
04/08/2017 09h45 - Atualizado em 4/08/2017 17h18
Foto: divulgação

O Centro Internacional de Negócios do Amazonas (CIN-AM), vinculado à Federação das Indústrias (Fieam), está mobilizando empresários do Estado para participar de três grandes feiras internacionais que devem ocorrer até o final deste ano e, juntas, vão movimentar mais de U$ 30 bilhões.

A mais importante em volume de recursos é a Feira de Exportação e Importação da China, a Canton Fair, em Guangzhou, que começa as atividades em 15 de outubro e se estende até 4 de novembro. O evento, anualmente, movimenta cerca de U$ 30 bilhões. A Expoalimentaria, sediada em Lima, no Peru, ocorre de 27 a 29 de setembro, e a Feira Havana (Fihav), que acontece de 30 de outubro a 30 de novembro, em Cuba, têm, juntas, uma perspectiva de movimento de mais de U$ 20 milhões.

Marcelo Lima, gerente do CIN-AM, explica que a participação das empresas amazonenses é fundamental para ampliação de negócios em outros países, com o surgimento de novas oportunidades de negócios. “No ano passado, tivemos uma média de cinco empresas em eventos desse porte. O ideal seria que tivéssemos pelo menos 12 representantes do nosso Estado, para estreitar os laços comerciais e abrir novas oportunidades para o mercado”, destaca.

Avaliação da concorrência
De acordo com Marcelo, as feiras internacionais são oportunidades para o contato não apenas com o público consumidor, mas também com fornecedores, parceiros comerciais, novas matérias primas e tecnologias. “Nas feiras também é possível os empresários observarem os possíveis concorrentes, diretos e indiretos, e aprender novas técnicas.”, ressalta.

As empresas interessadas em expandir seus negócios para novos mercados e avaliar seus produtos no mercado competitivo devem participar de eventos internacionais, como afirma o gerente do CIN-AM.

“Mesmo o empresário que ainda não está pensando em exportar deveria participar de feiras para fazer uma prospecção e conhecer a concorrência, verificando quais pontos podem ser melhorados em seu negócio para focar na internacionalização”, pontuou.

Os investidores e empresários que pretendem participar desses eventos internacionais de negócios podem buscar mais informações juntamente com o CIN-AM, por meio dos telefones (92) 3631-0907/ 3186-6511 ou pelo e-mail [email protected] .


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505