Lula recusa depoimento de Eduardo Braga e Vanessa Grazziotin em ação penal da Lava Jato

O pedido da defesa do ex-presidente de tirar os senadores da lista de depoentes foi aceita pelo juiz Vallisney Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília.
19/09/2017 16h43 - Atualizado em 2/10/2017 17h12
Foto: Divulgação

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva desistiu do depoimento de 11 pessoas em uma das ações penais em que o petista é réu. Entre os dispensados estão os senadores Eduardo Braga (PMDB) e Vanessa Grazziotin (PCdoB), ambos do Amazonas.

Todas as testemunhas dispensadas são parlamentares: oito senadores e três deputados. O pedido foi aceito pelo juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília.

Na ação penal, Lula e um de seus filhos, Luís Cláudio Lula da Silva, são acusados de envolvimento em organização criminosa, tráfico de influência e lavagem de dinheiro. O ex-presidente teria atuado para favorecer a Grippen na última licitação para a compra de caças pela Força Área Brasileira (FAB), entre 2013 e 2015.

Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505