Deputada Shéridan é denunciada no STF por compra de votos em 2010

A acusação é por suposta compra de votos na eleição de 2010, conduta que também teria beneficiado o ex-governador Anchieta Júnior (PSDB) na campanha ao governo de Roraima.
08/11/2017 16h11 - Atualizado em 8/11/2017 16h11
Foto: Reprodução

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apresentou, nesta terça-feira (7), denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra a deputada federal Shéridan de Anchieta (PSDB-RR).

A acusação é por suposta compra de votos na eleição de 2010, conduta que também teria beneficiado o ex-governador Anchieta Júnior (PSDB) na campanha ao governo de Roraima.

Em nota divulgada pela assessoria de imprensa, a deputada diz refutar as acusações e afirma que o assunto é “requentado”.

“A parlamentar tem certeza que a verdade prevalecerá no final, quando será provada sua inocência, pois tem total confiança no trabalho da Justiça brasileira”, conclui a nota.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505