Deputados evangélicos afirmam que Deus mandou votar para derrubar segunda denúncia contra Temer

Segundo os parlamentares eles receberam em oração a resposta que salvar Temer seria salvar o Brasil. Entre os deputados estão Silas Câmara e Marco Feliciano.
06/11/2017 16h08 - Atualizado em 7/11/2017 17h43
Foto: reprodução

Deputados da bancada evangélica fecharam apoio incondicional ao presidente Michel Temer, no dia 25 de outubro, quando a Câmara barrou pela segunda vez, o prosseguimento de uma denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra Temer.

Os parlamentares afirmaram que orientados por Deus votaram para derrubar a denúncia contra o presidente do Brasil. O cabeça da Frente Evangélica, Hidekazu Takayama (PSC-PR), deu a senha para os demais quando anunciou seu voto. Como ele, votaram Silas Câmara, Victório Galli, Marcelo Aguiar, Marco Feliciano, Paulo Freire, Ezequiel Teixeira, Rosangela Gomes, Pastor Luciano Braga, deputado pastor João Campos, entre outros.

Segundo os deputados que em oração veio a resposta que salvar Temer seria salvar o Brasil.

Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso