Liliane Araújo esquece oposição a Amazonino e diz que ‘está feliz’ após receber cargo

Agora como secretária no Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza, Liliane mostra incoerência com discurso feito no período eleitoral.
11/11/2017 13h42 - Atualizado em 13/11/2017 16h19
Foto: Reprodução

Natan Gaia – Redação AM POST

Após o período eleitoral da eleição suplementar em que ela fez duras críticas à “velha” política e ao governador Amazonino Mendes (PDT) a jornalista e ex-candidata ao governo do Amazonas, Liliane Araújo (atualmente sem partido), afirmou em nota que está muito feliz com sua nomeação ao Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza mostrando total incoerência com seu discurso anterior.

Fiquei feliz de ver que minhas propostas apresentadas ao longo da minha vida política tiveram reconhecimento do governador Amazonino Mendes ao ponto de fazê-lo me convidar para integrar sua equipe de governo”, pontuou a jornalista.

Liliane também teceu elogios a gestão de Amazonino, coisa que ela dizia ser incompatível com seus ideais. “Vi no atual governo boa vontade política de fazer o Amazonas dá certo, respeitando sempre as convicções dos membros do seu governo”, observou.

No fim do primeiro turno da eleição suplementar, ocorrida este ano, Liliane decidiu sair do partido que estava (PPS) por não concordar com o apoio da legenda à candidatura de Amazonino por achar que a atitude seria incoerente com a sua postura política.

Veja o que Liliane dizia no período eleitoral:


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505