Passageira é agredida por cobradora de ônibus ao tentar filmar falta de troco

Segundo a vítima a cobradora a chamou de “louca, imbecil, que queria fazer confusão por causa de centavos”.
07/11/2017 17h19 - Atualizado em 8/11/2017 17h12
Foto: Reprodução

Uma usuária do transporte público em Manaus denunciou à polícia um caso de agressão ocorrido dentro de um ônibus da empresa Expresso Coroado. O caso aconteceu por volta das 17h30 de sexta-feira (3) na rua Rita Barbosa, bairro Coroado, Zona Leste, e envolveu a assessora parlamentar Amanda Freire Guimarães, de 22 anos.

Segundo Amanda após ter dado a quantia de R$ 20 à cobradora da linha 540, identificada somente como Valcicleide. A funcionária da Expresso Coroado teria devolvido apenas R$ 15. Quando questionada sobre o restante, no caso R$ 1,20, a cobradora afirmou que não tinha dinheiro trocado. Ainda dentro do ônibus, a assessora disse ter sido xingada pela funcionária, e quando tentou filmar um vídeo da ação foi agredida como tapa dado pela mulher que derrubou seu celular.

“Ela me deu uma porrada na mão e meu telefone caiu no chão. Me chamou de louca, imbecil, dizendo que eu queria fazer confusão por causa de centavos”, disse.

A assessora foi até o 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no São José, para registrar um Boletim de Ocorrência (B.O).

Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505