Último envolvido no assassinato do cabeleireiro João Felipe é preso em Manaus

Apesar de prender todos os envolvidos no crime, a Polícia Civil continua sem descobrir a motivação do assassinato.
06/11/2017 16h42 - Atualizado em 7/11/2017 17h43
Foto: reprodução

Dione Costa dos Santos, 25, mais conhecido como “Macaquinho”, foi apresentado na manhã desta segunda-feira (6) pela Polícia Civil, em Manaus, apontado como o sexto e último participante no assassinato do maquiador e cabeleireiro João Felipe de Oliveira Martins, ocorrido no dia 30 de agosto deste ano em um salão de beleza no conjunto Vieiralves, bairro Nossa Senhora das Graças, na Zona Centro-Sul da cidade.

Segundo a polícia, “Macaquinho” ajudou o assassino de João Felipe a fugir. Além de Dione, também foram presos e indiciados pelo crime mais cinco pessoas. José Mateus da Costa Vieira, 28, o “Sapo”, é suspeito de ser o mandante do assassinato.

Apesar de prender todos os envolvidos no crime, a Polícia Civil continua sem descobrir a motivação do assassinato. “Todos esses têm participação no crime. Ainda não temos a motivação, mas isso não prejudica o inquérito. Iremos finalizá-lo e encaminhá-lo à justiça”, disse o delegado Juan Valério.

Redação AM POST


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso Wp: (92) 99344-0505