MPF pode chamar ex-amigo íntimo de Lula para depor na Lava Jato

Caio Fabio contou há alguns anos que o petista havia pedido doação do ex-ditador da Líbia, Muamar Kadafi.
09/12/2017 16h23 - Atualizado em 11/12/2017 16h32
Foto: Reprodução

O pastor, Caio Fabio, que já foi amigo íntimo do ex presidente Lula, contou há alguns anos que o petista havia pedido doação de 35 milhões de dólares para o ex-ditador da Líbia, Muamar Kadafi.

Caso a delação de Palocci avance, Caio Fabio poderá ser chamado para depor na Lava Jato.

Muamar Kadafi governou a Líbia por 41 anos até ser capturado, em 2011, e morto. Sua prisão aconteceu durante a Primavera Árabe, uma onda de manifestações e protestos no Oriente Médio e norte da África.

Assista Caio falando sobre isso em seu programa:


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso