Deputados pedem para acompanhar julgamento de Lula no TRF4

Parlamentares do PT entregaram ofício ao desembargador Thompson Flores; no documento, eles chamam rapidez do processo do petista de “fura fila processual”.
12/01/2018 17h53 - Atualizado em 12/01/2018 17h53
Foto: Reprodução

O encontro entre o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, com deputados do Partido dos Trabalhadores (PT) para tratar sobre temas relacionados ao julgamento do recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva terminou com a garantia pelo desembargador de que um grupo de parlamentares poderá acompanhar a sessão do dia 24 de janeiro, em Porto Alegre.

O pedido foi feito pelos deputados em um ofício entregue a Thompson Flores. O presidente garantiu que haverá um espaço reservado para acompanhar o julgamento através de um telão instalado no tribunal. Na sala da sessão, ficarão apenas os desembargadores, funcionários, advogados e partes.

Estiverem presentes os deputados federais Paulo Pimenta, Marco Maia e Maria do Rosário; os deputados estaduais Edegar Pretto, Stela Farias e Tarcisio Zimmermann e o advogado Ricardo Zamora.

Após o encontro, Pimenta declarou que confia na imparcialidade do julgamento, “ao contrário” do processo em primeira instância, julgado por Sergio Moro. O deputado federal também disse que as manifestações serão “pacíficas”.

No ofício (leia aqui), os deputados relembraram o caso da chefe de gabinete de Thompson Flores, Daniela Tagliari Kreling Lau, que publicou em sua página pessoal do Facebook uma petição online em apoio à condenação e à prisão de Lula. O TRF4 já havia comentado o caso alegando que a funcionária exerceu o direito à manifestação. Os deputados também criticaram as declarações de Thompson Flores de que a sentença de Moro, que condenou Lula a nove anos e meio de prisão, era “irretocável“.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso