Juíza que decretou prisão de Melo no réveillon tira férias e deixa decisão de habeas corpos nas mãos de substituto

O juiz federal Luiz Felipe assumiu as decisões processuais da Operação ‘Maus Caminhos’.
09/01/2018 16h07 - Atualizado em 10/01/2018 16h00
Foto: Divulgação

O juiz federal Luiz Felipe assumiu as decisões processuais da Operação ‘Maus Caminhos’. Ele ficou no lugar da colega, a juíza Ana Paula Serizawa Silva Podedworny, que decretou prisão do ex-governador, José Melo, na noite de réveillon.

Ana Paula tirou férias de duas semanas e deixou espaço para o Luiz Felipe decidir sobre o pedido de habeas corpos apresentado pelos advogados de defesa de José Melo e da ex-primeira-dama do Estado, Edilene Gomes, presos na Operação ‘Estado de Emergência’, terceira fase da ‘Maus Caminhos’.

O casal foi acusado de liderar o esquema de desvio de verbas da Saúde do Estado desarticulado pela Polícia Federal em setembro de 2016, na primeira fase da Operação Maus Caminhos. Naquela ocasião, o principal alvo da operação foi o médico e empresário Mouhamad Moustafa e a empresa dele, o Instituto Novos Caminhos (INC).


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso