Prefeitura de Manaus quebra acordo e rodoviários anunciam greve

Trabalhadores cobram reajuste salarial prometido pelo prefeito Artur Neto em acordo com as empresas e o pagamento de FGTS e INSS.
17/01/2018 14h42 - Atualizado em 18/01/2018 16h55
Foto: Divulgação

O Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Manaus (STTRM) anunciou a primeira greve da categoria de 2018 para a próxima segunda-feira (22). A informação é do presidente do sindicato, Givancir Oliveira. O motivo é o não cumprimento de um acordo para reajuste salarial feito com a Prefeitura de Manaus e com as empresas e o não pagamento de FGTS e INSS, apesar de serem recolhidos.

Segundo Givancir Oliveira, o prefeito Artur Neto (PSDB) fez um acordo verbal com a categoria e com as empresas prometendo reajuste nos salários a partir do dia 1º de janeiro deste ano. “Já é dia 17 e nada. O reajuste não saiu e ninguém nos atende mais. Se o prefeito não cumprir com a palavra dele, vamos fazer a maior greve vista em Manaus”, disse.

Além disso, os rodoviários também cobram o firmamento de uma convenção coletiva por parte das empresas. Givancir conta que descontos de FGTS e INSS vêm sendo feitos e os pagamentos não estão sendo realizados. “As empresas estão fazendo descontos indevidos aos trabalhadores. As demissões começaram a ser por justa causa e nem feriados estão pagando. O prefeito tem se posicionar, porque ele administra a concessão de transporte”, informou.

A greve foi decidida durante assembleia geral nessa terça-feira (16). Segundo ele, a frota de ônibus deve paralisar em 70%. “Esperamos a sensibilidade da Justiça para não interferir no movimento dos trabalhadores. Estamos cobrando um direito que é nosso”, declarou.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Manaus (Sinetram) informou que não foi notificado sobre a greve. A reportagem também entrou em contato com a Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) e aguarda posicionamento.

Fonte: Portal A Crítica


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso