Secretários de Caapiranga se recusam a entregar chaves a novo prefeito

O ex-prefeito do município foi extinto pelo Tribunal de Justiça (TJ-AM) por ser ficha suja.
15/01/2018 15h15 - Atualizado em 16/01/2018 16h35
Foto: Reprodução

O então vice-prefeito do município de Caapiranga, Moisés Filho (PMDB), assumiu no último dia 12 o comando da cidade por decisão do presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM) Flávio Pascarelli.

Segundo Moisés, os secretários da administração do ex-prefeito Antônio Ferreira Lima, o Pongó (que aparece na imagem a direita), cujo mandato foi extinto por ser ficha suja, se recusam a entregar as chaves das secretarias.

Pongó por condenação que não cabe recurso há dois anos, teve os direitos políticos suspensos e não pode ser votado.

“Vou exonerá-los, já que são da gestão passada, e entrei em contato com o advogado para fazer ofícios para que possam entregar as chaves”, disse.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso