Irmão de José Melo e Pedro Elias voltam para cadeia por determinação da Justiça Federal

A Justiça Federal acatou recursos contra a decisão anterior que havia dado prisão domiciliar a ambos.
09/02/2018 14h49 - Atualizado em 10/02/2018 16h57
Foto: Reprodução

Redação AM POST

Os ex-secretários do governo do Amazonas, Evandro Melo e Pedro Elias, perderam direito de prisão domiciliar e foram presos novamente pela Polícia Federal na manhã de hoje, após decisão da 4a Vara Federal, onde tramita o processo da Operação Maus Caminhos.

Ambos foram encaminhados para o Centro de Detenção Provisória Masculino 2 (CDPM 2), localizado no quilômetro 8 da rodovia BR-174, onde também estão os ex-secretário da Fazenda (Sefaz), Afonso Lobo, e o ex-governador José Melo.

A Justiça Federal acatou recursos contra a decisão anterior que havia dado prisão domiciliar a ambos no entendimento da relatora do processo, não cabe a concessão.

Nesta semana, o Ministério Público Federal (MPF) denunciou os ex-secretários pelo crime de corrupção e organização criminosa, cuja pena varia de 3 a 8 anos de reclusão. Para o MPF, o irmão do ex-governador era o “atravessador” de propina.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso