Diretora acusada de aliciar criança em escola é agredida por pai de aluna

Testemunhas relataram que o pai da aluna teria dado um soco e ameaçado a mulher com uma faca.
09/05/2018 14h44 - Atualizado em 10/05/2018 17h17
Foto: reprodução

A diretora do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Professora Maria do Socorro Cardoso Silva, localizado no bairro Nova Esperança, Zona Oeste de Manaus, denunciou que foi agredida dentro da unidade de ensino na segunda-feira (7). Este é o segundo caso registrado na capital nesta semana. A Polícia Civil apura o ocorrido.

Familiares do suposto agressor disseram que o homem procurou a escola após saber que a filha, de 5 anos, teria sido aliciada em um banheiro no Cmei.

“Ela [aluna] diz que, numa festinha, foi levada ao banheiro, tiraram a roupa dela e passaram a mão nas partes íntimas dela. Se colocar três pessoas ao lado dela, ela aponta direto para a diretora”, disse o avô .

O avô também afirmou que o filho foi até a escola para pegar o nome completo da diretora e fazer uma denúncia na delegacia.

Testemunhas relataram que o pai da aluna entrou no Cmei e se dirigiu até a diretora. Ele teria dado um soco e ameaçado a mulher com uma faca. Um grupo de funcionários conseguiu intervir. O homem fugiu do local pulando o muro.

A diretora registrou um boletim de ocorrência no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e passou por exame de corpo de delito.

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) informou que a assessoria jurídica da pasta acompanha o caso.

“A Semed ressalta que as duas situações ocorridas no mesmo dia, são atípicas ao dia a dia da secretaria, que já está estudando medidas para melhorar a segurança dos servidores das 499 unidades de ensino da rede municipal”, informou a nota.

A Polícia Civil informou que um inquérito policial foi instaurado para apurar o caso. As diligências em torno da ocorrência estão em andamento.

A professora citada na denúncia e vítima da agressão não foi localizada pela reportagem.

Fonte: G1


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso