Com gestão negligente e incompetente PSL-AM perde Capitão Alberto Neto e o chama de fake

Em grupo de Whatsapp do partido, Alberto Neto foi chamado de ‘capitão Fake’ pelo Presidente da sigla Ubirajara Rosses.
26/06/2018 20h22 - Atualizado em 28/06/2018 17h56

Foto: Reprodução


Redação AM POST

A incompetência da atual gestão do diretório estadual do PSL-AM, partido do presidenciável Jair Bolsonaro, tem causado revolta em seus correligionários e graças a isso a legenda perdeu recentemente o Capitão Alberto Neto, pré-candidato ao cargo de Deputado Federal. O destino político do capitão ainda não foi divulgado.

Em grupo de Whatsapp do partido, Alberto Neto foi chamado de ‘capitão Fake’ pelo Presidente do PSL/AM e tenente coronel, Ubirajara Rosses, após a sua saída.

De acordo com pessoas ligadas ao PSL-AM a atual gestão não tem transparência com o dinheiro que é dado para o pagamento de dívida da legenda e a cada reunião é anunciado um valor diferente ao débito e os pre-candidatos são instigados a fazerem doações.

O PSL-AM ainda não definiu quem são os candidatos a deputados federal e estadual e tem uma lista de aproximadamente 50 nomes a espera de uma reposta positiva do partido, no entanto, na página da sigla no Facebook, o Delegado Péricles, irmão de Ubirajara Rosses, é o único que consta como pre-candidato a deputado estadual e que participa da inauguração de diretórios no estado o que evidencia favoritismo.

Posted by PSL – Amazonas on Saturday, June 16, 2018

Além disso a incompetência do partido tem causado boicote a candidatura de Bolsonaro no estado pois de 62 municípios do Amazonas só foram inaugurados três diretórios em cidades que já possuem movimento sociais o que não faz frente para angariar votos ao presidenciável.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso