Seduc recebe recomendação conjunta do MPC e MPE para cancelamento de concurso

Documento pede suspensão do concurso público e que as provas remarcadas para o dia 22 deste mês não aconteçam.
13/07/2018 19h16 - Atualizado em 14/07/2018 16h23
Foto: Reprodução

A Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc) recebeu na tarde desta sexta-feira (13) uma recomendação conjunta pedindo a suspensão do concurso público realizado no último domingo (8) e que as provas remarcadas para o dia 22 deste mês, para o cargo de professor de Ensino Regular, não aconteçam até que seja comprovado que não houve fraude no certame.

A recomendação foi assinada pelos Ministérios Público de Contas do Amazonas (MPC-AM) e do Estado (MPE-AM). No documento os órgãos explicam que o pedido leva em consideração as várias denúncias feitas pelos candidatos, apontado uma série de irregularidades no concurso.

Entre as irregularidades apontadas estão atraso na chegada das provas nos locais do exame, troca de prova entre municípios, transporte irregular de malotes, uso de telefones celulares pelos fiscais durante o processo, provas inelegíveis, malotes com lacres violados e muitas outras.

Em resposta a Seduc informou que responderá aos órgãos ministeriais dentro do prazo estipulado por eles (cinco dias) bem como encaminhará todos os documentos solicitados.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso