Jovem denuncia marido por agredi-la e torturar o próprio filho de 7 meses com mordidas e sufocamento

Vítima afirma que o agressor faz uso de entorpecentes e que tortura o filho desde os dois meses de idade.
21/08/2018 16h02 - Atualizado em 22/08/2018 17h50

Foto: Divulgação


Redação AM POST*

Uma adolescente de 17 anos denunciou seu marido, um jovem de 24 anos, por agredi-la fisicamente e torturar o filho do casal, um bebê de 7 meses. O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Parintins (a 369 quilômetros de distância de Manaus) que representou à Justiça na manhã dessa segunda-feira (20) o pedido de prisão preventiva.

A jovem afirma que o agressor faz uso de entorpecentes e que tortura o filho desde os dois meses de idade por meio de mordidas e tentativa de sufocamento.

Segundo a delegada Alessandra Trigueiro, titular da unidade policial, procedimentos no Instituto Médio Legal (IML) constataram a violência contra a criança, no entanto, o pai que se apresentou espontaneamente na delegacia negou ter torturado o filho.

Alessandra Trigueiro destacou que o jovem possui passagem pela polícia por homicídio e violência doméstica mas foi liberado após prestar esclarecimentos e ser indiciado por tortura e violência doméstica. A delgada aguarda decisão judicial da representação pelo pedido de prisão preventiva.

*Com informações Portal A Crítica


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso