Seis homens envolvidos na morte de criança em Coari são presos

O assalto que resultou na morte da menina de 3 anos serviria para pagar dívidas com o tráfico de drogas.
22/11/2018 09h38 - Atualizado em 22/11/2018 17h13

Foto: Divulgação/PC


Seis homens foram presos suspeitos de envolvimento na tentativa de assalto que resultou na morte de uma menina de três anos em Coari, a 363 km de Manaus. O autor dos tiros que mataram Francine Carvalho de Macedo disse à polícia que o roubo foi planejado por um amigo do avô da criança, que também foi preso. O assalto serviria para pagar dívidas com o tráfico de drogas.

O caso ocorreu na noite de terça-feira (20) e as prisões foram realizadas até esta quarta (21). Segundo a Polícia Civil, três suspeitos executaram o crime, enquanto o restante prestou algum tipo de apoio à ação.

Carlos Antônio Pinho Matos Júnior, de 23 anos, suspeito de ter efetuado os tiros contra a família, bem como Raimundo Luciano da Costa Vasconcelos, de 41 anos, que seria o amigo do avô de Francine, citado como mentor do crime, foram presos nesta quarta-feira (21).

De acordo com a polícia, objetivo dos criminosos era roubar uma quantia de R$ 13 mil que estava na casa onde a menina morava. Entretanto, após atirar contra a criança e o avô, o trio fugiu sem levar nada.

À polícia, Carlos Matos Júnior disse que Vasconcelos seria o responsável por planejar e repassar a informação da suposta quantia existente na casa das vítimas. Ele informou ainda que o homem usaria o dinheiro obtido no crime para pagar dívidas relacionadas ao tráfico de drogas.

Além de Carlos, participaram diretamente do crime Andrew Araújo Silva, de 21 anos e Keilo Cardoso Saldanha, de 18.

Também foram presos Wendel de Sena Ferreira, de 22 anos, que teria fornecido a arma utilizada na ação, e Sebastião Rômulo de Melo Vasconcelos, de 23, suspeito de emprestar a moto usada pelos criminosos.

Os seis homens foram autuados em flagrante por latrocínio consumado. Após os procedimentos cabíveis, o grupo será conduzido para a Unidade Prisional de Coari (UPC), onde irão permanecer à disposição da Justiça.

O caso
Francine Carvalho de Macedo, de apenas três anos, foi morta com um tiro no peito após uma tentativa de assalto à casa onde morava. O caso aconteceu na noite desta terça-feira (20), no município de Coari.

Segundo a polícia, três homens decidiram cometer o assalto após receberem a informação de que o avô da menina teria guardado R$ 13 mil na residência. O idoso de 65 anos foi atingido com um tiro no braço.

Um dos criminosos se passou por um entregador para que o avô de Francine atendesse a porta. Ao perceber que seria assaltado, o idoso tentou fechar a porta. Com a reação, Carlos Matos Júnior teria feito diversos disparos contra o homem, que foi atingido no braço.

Um dos tiros atingiu Francine no peito. Ela chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

Em nota, a Prefeitura de Coari decretou período de luto oficial por três dias no município por conta da morte da criança.

Fonte: G1 Amazonas


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso