Padre é afastado após ‘quase afogar’ criança em batismo

O religioso teria adotado a medida violenta porque “Satã estava dentro da criança”.
15/12/2018 18h19 - Atualizado em 15/12/2018 18h19
Foto: Reprodução

Um padre ortodoxo foi afastado das suas funções após ser flagrado em vídeo, feito durante batismo, afundando violentamente, várias vezes, uma criança de 2 anos na pia batismal.

A cena foi registrada em igreja em Yessentuki (Rússia). O padre foi identificado como Ilia Semiletov. De acordo com reportagem do “Metro”, o religioso adotou a medida porque “Satã estava dentro da criança”. A menina, em pânico, mal conseguia respirar.

Apesar das cenas fortes, a mãe da menina não denunciou o padre. Ela até agradeceu pela dura atitude de Semiletov durante o batismo. Segunda, ela a filha “só estava com medo”.

O batismo ocorreu em 2016, mas só agora se tornou viral.

“O padre agiu de forma muito dura”, criticou o arcebispo Mikhail Samokhin, da diocese de Pyatigorsk.

Assista abaixo:

Fonte: Extra


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Contato Termos de uso