Banco deposita R$ 77,6 milhões por engano na conta de comerciante

O homem experimentou num intervalo de três horas, a sensação de ser milionário e perder tudo.
05/01/2019 16h43 - Atualizado em 5/01/2019 16h43

Um comerciante de Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba, experimentou, em um intervalo de três horas, a sensação de ganhar R$ 77,6 milhões e de perder tudo.

O dinheiro apareceu na conta de Paulo André Vieira por engano na manhã de 27 de dezembro.

“Você vê [os números] e fica muito feliz, mas daí você começa a raciocinar direito e vê que tem alguma coisa errada”, disse o comerciante.

Mas como o saldo era fruto de um erro bancário, o dinheiro foi estornado da conta corrente.

O problema é que, junto do depósito, o banco retirou o valor que já estava anteriormente na conta do comerciante.

“Até um trocado que já estava na conta para pagar meus fornecedores desapareceu e deixou a conta negativa”, afirmou.

O problema foi solucionado rapidamente pelo banco, e Paulo André levou a situação com bom humor.

Orientação ao consumidor
Segundo o gerente da conta de Paulo André explicou para ele, tanto o depósito por engano, quanto o estorno errado aconteceram por um ‘erro sistêmico’ do banco.

Segundo a professora especialista em Direito do Consumidor Cláudia Silvano, o consumidor deve informar o banco imediatamente quando há movimentações estranhas na conta corrente.

“No período em que o dinheiro ficou indisponível pelo saque indevido, o cliente precisa ficar atento se não houve nenhuma cobrança de encargo, multa ou juros indevidos”, afirmou.

Neste caso, a pessoa deve procurar os órgãos de defesa do consumidor.

O Banco Safra, responsável pela operação, comunicou que não se manifestaria sobre o assunto.
Fonte: G1


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Contato Termos de uso