Blogueira que arrancou lábio de mulher vai responder em liberdade após justiça negar prisão preventiva

Em decisão juíza destaca que uma eventual prisão da blogueira ocasionaria um “constrangimento ilegal”.
27/02/2019 17h13 - Atualizado em 28/02/2019 13h20

Foto: Reprodução


Redação AM POST

A digital influencer, Samara da Silva Pinheiro, de 19 anos, que confessou ter arrancado com mordida o lábio de uma mulher durante briga ocorrida na última sexta-feira (15), teve pedido de prisão preventiva negado pela juíza Andréa Jane da Silva de Medeiros, titular da 5ª Vara Criminal da Comarca de Manaus.

A decisão da magistrada seguiu o parecer do promotor de justiça do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE), Evandro da Silva Isolino.

“Não se está aqui desprezando a violência sofrida pela vítima e o sentimento de justiça que impera na sociedade, contudo a prisão preventiva deve ser utilizada como ultima ratio, vindo a ser aplicada quando se mostrar mais gravosa que a própria condenação a ser eventualmente aplicada, devendo a satisfação do sentimento de justiça se dar com o devido processo legal”, justificou a juíza na decisão.

“Ante essa situação, eventual decretação de prisão cautelar, diante das circunstâncias expostas, caracterizaria constrangimento ilegal, não só pela ausência de seus pressupostos, mas também por eventual excesso de prazo que possa decorrer da conclusão do inquérito policial”, completou a magistrada.

De acordo com o advogado de defesa, Carlos César Moreira, Samara reside atualmente em Fortaleza, no Ceará, para onde ela voltou um dia após a confusão pois já estava de posse de passagem aérea comprada no dia 12 de fevereiro.

Vítima pede ajuda
A funcionária pública, Bianca Figueiredo, de 35 anos que teve parte do lábio inferior arrancado na briga com Samara fez uma vaquinha na internet pedindo ajuda de custo para bancar os gastos de sua próxima cirurgia. Ela encontra-se hospitalizada na enfermaria do Hospital João Lúcio, na Zona Leste de Manaus.

No texto de descrição da vaquinha online é informado que Bianca já passou por uma cirurgia e ainda vai precisar passar por mais duas, ela terá que ir para a cidade de São Paulo realizar uma das cirurgias. O dinheiro arrecadado servirá para comprar materiais necessários para a sua recuperação como medicamentos e curativos. Além disso também terão custos com as passagens alimentação dela e de um acompanhante.

Entenda o caso
De acordo com a delegada, Alyne Lima, titular do 16º Distrito Integrado de Polícia (DIP), a briga começou aparentemente por um mal entendido ocorrido no estacionamento de um condomínio na avenida Ephigênio Sales quando a blogueira Samara Silva Pinheiro, de 19 anos – conhecida como Samara Pavanelly, acompanhada de seu namorado achou que Bianca e mais dois amigos teriam a chamado de “put*”.

Durante a discussão, Samara teria dado um tapa na cara de uma amiga da funcionária pública, a designer Ana Rosa Cardoso, 37.

A briga foi separada mas os dois grupos se reencontraram minutos depois em um posto de gasolina, na avenida André Araújo, em frente ao Instituto Nacional De Pesquisa da Amazônia (Inpa), foi quando uma das partes foi tirar satisfação, começou agressão mútua que resultou na mordida que arrancou parte do lábio de Bianca. Em depoimento Samara disse que foi agredida e reagiu.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso