Carlinhos Bessa e Dermilson Chagas batem boca na ALE por divergências sobre recursos do FTI

O líder do governo Wilson Lima confrontou o colega em plenário.
19/02/2019 16h49 - Atualizado em 19/02/2019 19h00

Foto: Ronaldo Siqueira


Redação AM POST

A sessão da Assembléia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) desta terça-feira (19) foi marcada pela discussão entre o líder do governo na casa, Carlinhos Bessa (PV), e o deputado Dermilson Chagas (PP), que foi líder do governo Amazonino Mendes até o ano passado.

O motivo do bate boca na Assembléia Legislativa foi o Fundo de Fomento ao Turismo, Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI), que é uma verba destinada as prefeituras do interior e o governo de Wilson Lima pretende morder R$ 350 milhões para pagar a dívida da saúde no Estado.

Dermilson, que tem firmado posicionamento contrário a medida da atual administração, foi confrontado por Bessa ao ser lembrado que no governo de Amazonino, havia concordado com o uso do recurso. Revoltado o parlamentar do PP disse que o líder do governo Wilson Lima foi leviano e mentiroso na afirmativa.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso