Cruzeiro com Wesley Safadão tem surto de sarampo: 9 mil passageiros são vacinados

O Ministério da Saúde confirmou 13 casos de sarampo em tripulantes.
20/02/2019 15h13 - Atualizado em 20/02/2019 15h13

Foto: reprodução


Um navio da MSC Cruzeiros com 9 mil passageiros aportou em Santos nesta quarta-feira (20) para vacinação após a confirmação de um surto de sarampo. No cruzeiro está o cantor Wesley Safadão, para shows ao longo da viagem. A família do artista também ficou no Porto de Santos.

Em seu perfil no Instagram, Wesley fala que estava triste com o desembarque da esposa e o filho. O artista comenta anda sobre o segundo show no MSC Seaview, que será realizado amanhã (21).

— Estamos no Porto de Santos. Agora estamos desembarcando as primeiras 5 mil pessoas que ficaram no cruzeiro nos últimos dias, desde sábado — comenta.

https://www.instagram.com/p/BuDWKGmDQAr/?utm_source=ig_embed

Em nota, o Ministério da Saúde confirmou 13 casos de sarampo em tripulantes. “Como estratégia de bloqueio dos casos de sarampo, o Ministério da Saúde, em conjunto com as secretarias de saúde envolvidas e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) irá vacinar com a tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) cerca de 10 mil passageiros de seis meses a 49 anos no porto de Santos (SP), nesta quarta-feira (20)”.

O navio transita pela costa brasileira nesta temporada. Até o momento, 18 casos foram notificados pelos estados de Santa Catarina e São Paulo ao Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS-Nacional) do Ministério da Saúde, segundo nota do ministério. Os resultados dos exames foram reagentes ao vírus do sarampo, confirmando o surto da doença entre os tripulantes do navio.

Em nota divulgada nesta terça-feira, a MSC Cruzeiros informou que “um pequeno número de tripulantes do MSC Seaview apresentou possíveis sinais de rubéola ou sarampo”. A empresa disse que trabalhou em estreita colaboração com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). “Depois de concluir todos os procedimentos de inspeção padrão, o navio recebeu a liberação da Anvisa para continuar sua viagem, seguindo o seu itinerário, e não houve impacto para os hóspedes”.

Procurada, a MSC Cruzeiros ainda não atualizou seu posicionamento sobre o caso.

Fonte: Jornal Extra


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso