Dependentes de benefício da saúde reclamam de abandono do governo do Amazonas

Pacientes que estão em outros Estados dependendo do Tratamento Fora de Domicílio (FTI), reclamam da falta de pagamento.
16/02/2019 18h18 - Atualizado em 17/02/2019 13h19

Foto: Reprodução


Redação AM POST

Amazonenses que dependem do benefício Tratamento Fora de Domicílio (TFD) para se manterem em outros Estados denunciaram o descaso da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) que não estaria quintando o pagamento da verba junto as famílias.

O TFD é um benefício destinado a usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) para assistência integral que inclui o acesso de pacientes residentes em um determinado Estado a serviços assistenciais localizados em Municípios do mesmo Estado ou de Estados diferentes, quando esgotados todos os meios de tratamento e/ou realização de exame auxiliar diagnóstico terapêutico no local de residência (Município/Estado) do paciente e desde que o local indicado possua o tratamento mais adequado à resolução de seu problema ou haja condições de cura total ou parcial.

De acordo com denúncia publicada no Portal Em Tempo, Simone Corrêa está no Rio de Janeiro com a filha Aline Amylle, de 8 anos, diagnosticada com suspeita da síndrome de Rett, esperando o dinheiro do benefício para comprar passagens e voltar para Manaus.

As despesas permitidas pelo TFD são aquelas relativas a transporte aéreo, terrestre e fluvial; diárias para alimentação e pernoite para paciente e acompanhante (se este se fizer necessário).

Após a filha receber alta a mulher afirma que foi informada que o TFD não teria previsão para emitir as passagens e por isso teria que ficar no Rio de Janeiro. Sem dinheiro para se manter na cidade ela contou que se alimenta com água, bolachas e suco.

Suellen Soledade Soares Silva, também espera pela verba do benefício que era para ter sido pago há um mês pelo governo do Amazonas e custear o tratamento de sua filha Sarah Soledade Soares Silva, de 4 anos, diagnosticada com Tumor de Wilms. A menina está internada em um hospital de Barretos, em São Paulo, apenas aguardando o momento da cirurgia, marcada para a próxima semana.

De acordo com a Susam o pagamento para a empresa responsável pelo fornecimento de passagens aéreas já foi feito.

LEIA A REPORTAGEM COMPLETA NO PORTAL EM TEMPO


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso