Direção do HPS 28 de Agosto alega mal entendido fato de deputado ter sido barrado na unidade

O comunicado não esclarece se a ordem de barrar o deputado partiu da direção do hospital.
25/02/2019 10h35 - Atualizado em 25/02/2019 18h59

Foto: Reprodução


Redação AM POST

A direção do hospital e pronto socorro 28 de Agosto classificou neste domingo (24), como “um mal entendido”, o evento em que o seguranças do hospital não permitiram a entrada do deputado estadual, Wilker Barreto (PHS), para fiscalizar o armazenamento de medicamentos.

A nota diz que não há qualquer impedimento ao trabalho do parlamentar Wilker Barreto e seus pares na Assembleia Legislativa do Amazonas.

Ainda segundo a nota do hospital, a transparência tem sido inclusive, uma decisão da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), com os órgãos de controle e com a Assembleia Legislativa.

O comunicado não esclarece se a ordem de barrar o deputado partiu da direção do hospital.

Acompanhe a nota na íntegra

A direção do Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto informa reconhecer e respeitar o trabalho de todos os parlamentares que, assim como o Governo do Estado, estão buscando a construção de uma saúde melhor para a população. Portanto, considera um mal entendido o episódio ocorrido no sábado (23/02), na unidade.

A direção ressalta que não há qualquer impedimento ao trabalho do parlamentar Wilker Barreto e seus pares na Assembleia Legislativa do Amazonas.

Mostrar as condições em que foram recebidas as unidades de saúde e a necessidade de melhorar os serviços à população, corrigindo problemas crônicos, como o desabastecimento e a falta de estrutura, ajudam na nossa missão, enquanto governo.

A transparência tem sido, inclusive, uma decisão da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), com os órgãos de controle e com a Assembleia Legislativa.

E por fim, coloca-se à disposição para receber não só o deputado em questão, mas também outros parlamentares que queiram conhecer a unidade e obter informações necessárias ao trabalho parlamentar.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso