Funcionário do IML flagrado jogando roupa contra contaminação em igarapé será punido, diz SSP

O servidor do IML descartou materiais de uso exclusivo da perícia em igarapé e o caso será encaminhado para a Corregedoria Geral da SSP.
18/02/2019 15h14 - Atualizado em 19/02/2019 12h55

Foto: Reprodução


Redação AM POST

Um funcionário do Departamento de Polícia Técnico Científica (DPTC-AM) do Instituto Médico Legal (IML), que não teve o nome revelado, foi flagrado jogando roupa anticontanimação, em igarapé, de Manaus após perícia em cena de crime.

O caso repercutiu na manhã desta segunda-feira (18) após divulgação de vídeo que mostra o servidor cometendo o ato. A Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) informou que vai tomar as medidas administrativas contra o funcionário que descartou materiais de uso exclusivo da perícia em igarapé e o caso será encaminhado para a Corregedoria Geral secretaria.

O diretor do DPTC, Lin Hung Cha, ressalta que este comportamento não coaduna com o perfil profissional da polícia científica e nem com os princípios de cidadania que regem a vida moderna. Os funcionários e terceirizados que trabalham para a polícia científica recebem todo o treinamento necessário ao uso e descarte correto dos matérias que são utilizados na realização dos procedimentos.

Veja vídeo:


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso