Josué Neto sugere que governo compre vacina de H1N1 com urgência para imunizar o AM

Segundo o parlamentar o número de mortes e de casos em estado grave está acima de 25% e é preciso agir de forma rápida para combater a doença.
28/02/2019 18h33 - Atualizado em 1/03/2019 12h52

Foto: Divulgação


Redação AM POST

“O Amazonas precisa ser imunizado!” Com essa afirmação o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto (PSD), sugeriu em forma de indicativo ao Governo do Estado que faça a compra emergencial da vacina em países estrangeiros, onde há a disponibilidade do medicamento.

De acordo com Neto, o número de mortes e de casos em estado grave está acima de 25% e é preciso agir de forma rápida para combater a doença. Ele lembrou ainda que o vírus está mais forte e as vacinas do ano passado não tem mais efeito contra o vírus.

“Estou encaminhando ao Governo do Estado uma indicação para que se compre a vacina em países estrangeiros. O número de óbitos já chega a 27% e são registrados 40 casos de internação em estado grave. A previsão dada pelo Ministério da Saúde é que somente no final de março cheguem às vacinas. Não podemos esperar. Precisamos imunizar o Amazonas”, pontuou.

Neto ressaltou ainda que, devido à dimensão do Estado do Amazonas é necessário o apoio de todos, inclusive do exército brasileiro na campanha de vacinação.

“Precisamos garantir que a vacina chegue aos lugares mais distantes e de difícil acesso, por isso, é importante o apoio do exército brasileiro”, finalizou.

*Com informações da Assessoria de Imprensa


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso