Mais de três toneladas de pescado são apreendidas em embarcação vinda de Tapauá

Os peixes são de espécies variadas e, por conta do período de defeso, são protegidos pela legislação ambiental para que possam se reproduzir.
16/02/2019 13h54 - Atualizado em 16/02/2019 13h54

Foto: Divulgação


Redação AM POST

Dois suspeitos foram detidos durante a apreensão de mais de três toneladas de pescado em uma embarcação nesta sexta-feira (15/02). Os peixes são de espécies variadas e, por conta do período de defeso, são protegidos pela legislação ambiental para que possam se reproduzir.

O carregamento era monitorado desde o município Tapauá, distante a 760 quilômetros de Manaus, e foi apreendido quando a embarcação aportou na capital, área da Manaus Moderna. Os policias receberam denúncia de que o pescado estava vindo de Tapauá para Manaus pelo rio. Equipes foram para a balsa onde a embarcação atracaria. No interior do barco, a equipe encontrou, primeiro, 2.428 quilos de sardinha.

A responsável pelo carregamento apresentou a Guia de Trânsito para Pescado com declaração de estoque expedido pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), mas o documento apontava quantidade de 1.000 quilos, ou seja, muito inferior ao que foi encontrada pela Polícia Militar. O responsável pelas sardinhas foi detido.

Na fiscalização ainda foram encontrados 142 quilos de pacu no frigorífico da embarcação. Foi nesse momento que o segundo suspeito foi detido. Em algumas caixas de isopor estavam 228 quilos de pirarucu, outros 103 quilos de pacu, 150 quilos de tucunaré e 235 quilos de outras espécies.

O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) foi acionado e realizou a autuação dos responsáveis. Os suspeitos foram conduzidos para a Delegacia Especializada em Crimes contra o Meio Ambiente e Urbanismo (Dema). O pescado foi doado para instituições de cadastradas.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso