Wilson Lima quer fazer empréstimos de R$ 900 milhões para cobrir rombo da saúde

Além dos empréstimos ele confirmou que pretende morder R$ 350 milhões do FTI.
18/02/2019 18h04 - Atualizado em 19/02/2019 12h56

Foto: Divulgação


Redação AM POST

O governador Wilson Lima (PSC), anunciou nesta segunda-feira (18) que quer fazer um empréstimos junto a bancos nacionais e estrangeiros no valor de R$ 859 milhões para cobrir rombo na saúde do Estado, estimado em R$ 2,2 bilhões.

Conforme revelou Wilson Lima em coletiva de imprensa, os empréstimos serão divididos da seguinte forma: R$ 300 milhões em bancos públicos como Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil e US$ 150 milhões (R$ 559 milhões) do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) ou Bando Mundial (Bird).

O discurso de Lima, de quem está administrando um estado em ruínas e que tem um orçamento que não da para pagar todas as dividas, se choca com ações de seu governo como a de abrir R$ 500 mil em linha de crédito para detentos investirem em pequenos negócios.

Além dos empréstimos, o governador confirmou que pretende morder R$ 350 milhões do Fundo de Fomento ao Turismo,Infraestrutura, Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas (FTI), recurso de prefeituras do interior do Estado.

Para conseguir a verba do FTI o governador precisa obter o aval da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM) e por isso está alinhavando na casa aprovação com urgência do Projeto de Lei nº31/2019, que lhe garantirá o recurso.


*** Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o AM POST.


Facebook

Economia

Contato Termos de uso